Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ri-te Rita

que a vida não rima

Ri-te Rita

que a vida não rima

O amor é isto, O amor é isto e nada mais!

Este sábado fui ver os Ornatos. É a terceira vez que os vejo. A primeira foi num concerto no Hard Club em Gaia quando eles ainda andavam por aí. Já os conhecia por ter ouvido um ou dois sucessos e gostava do género. A segunda foi no Coliseu. Foi um concerto que me marcou. Tinha passado dois anos da minha vida a ouvir dois álbuns ininterruptamente, sabia as músicas todas de cor e pensava que nunca mais iria ter oportunidade de os ouvir. Cantei, dancei e pulei. Talvez tenha chorado, já não me lembro. A terceira foi no sábado. O dia estava bom, o ambiente estava bom, o Carlão foi uma óptima entrada e ouvir o Manel Cruz, com o meu filho mais velho atrás de mim, já mais alto que eu, a cantar as músicas todas desafinando a torto e a direito com aqueles acordes típicos da mudança de voz, foi um sabor que eu não vou esquecer.

conversar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

foto do autor

arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D