Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Ri-te Rita

que a vida não rima

Ri-te Rita

que a vida não rima

Mundo ridículo

Tenho andado num estado de água corrente. E quando a água corre não inquina.

Mas ontem, ou anteontem, já não sei bem, parei por momentos em frente à televisão no meio de um qualquer programa da manhã, e li "depressão pós-férias". Desde essa altura que ando meio inquinada e só me apetece gritar:

- Não há depressão pós-férias, há é trabalho;

- Não há depressão quando alguém morre, há é tristeza;

- Não há depressão no desemprego, há é preocupação;

- Não há depressão na velhice, há é solidão;

- Não há depressão na doença, há é medo...

O mundo anda a perder a capacidade de agir e toma comprimidos. E ponho-me a pensar, se o país entrasse em guerra haveria alguém para combatê-la ou ficávamos todos em casa deprimidos!

foto do autor

arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D