Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ri-te Rita

que a vida não rima

Ri-te Rita

que a vida não rima

Gerações

Quando eu era rapariguinha era ingénua (graças a Deus!), e achava que estava a crescer comigo uma geração prá frentex, esclarecida, justa e sem macaquinhos no sótão. A geração dos meus pais é que era cota! Tinham crescido nos 60's, tinham libertado o país, mas ainda estavam agarrados a uma educação moralista e sexista, as mulheres apregoavam a igualdade, mas no trabalho eram todas professoras e em casa empregadas domésticas. A minha geração não! Íamos para os copos juntos, íamos às discotecas, ficávamos até de madrugada a discutir o sexo dos anjos, rapazes e raparigas a competir pelo maior murro na mesa.

A minha primeira decepção veio quando já trabalhava, ao perceber que um desses rapazes que ía para os copos comigo e dáva murros na mesa à minha beira, achava que a namorada é que devia tratar das tarefas domésticas. Outra veio quando percebi que uma amiga minha, que ía à discoteca comigo e passava as madrugadas a debater o sexo dos anjos, achava que o marido não devia se meter tanto na educação dos filhos. E por aí fora, de decepção em decepção...Agora já nem ligo ao facto de haver gente da minha geração que pensa que precisamos de voltar ao tempo da nossa senhora ou que ache que ensinar rudimentos de educação sexual na escola seja sacrilégio. O que me espanta é como não dei por eles enquanto crescia!

 

2 falas

conversar

foto do autor

arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D