Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Ri-te Rita

que a vida não rima

Ri-te Rita

que a vida não rima

Aturar-me a mim mesma pleonasticamente

Há dias em que não me aturo, nem a mim, nem aos meus pensamentos, incongruências, hipocrisias, inseguranças e demais fatelices várias. Não sei o que fazer comigo e com tudo o que se passa na minha cabeça. Hoje é um desses dias. Criei este blog para me poder lamuriar sem incomodar quem me conhece, mas hoje nem lamúrias me saem de jeito.