Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ri-te Rita

que a vida não rima

Ri-te Rita

que a vida não rima

3.14159265359...

Às vezes penso que se o número que explica a circunferência é interminável (ou irracional!!!), se o universo está modelado em formas elipticas e qualquer fórmula um pouco mais complexa é logarítmica, então talvez ao encararmos a vida derivando-a de números inteiros e explicando-a em gráficos em que as coordenadas são rectas, estejamos a perceber mal tudo o que nos rodeia.

Se a nossa unidade fosse o p e a matemática em vez de ser de base "1" fosse de base 3.14159265359... então talvez tudo fosse mais óbvio. As nossas coordenadas seriam curvas mas as leis que explicam o universo seriam mais simples. Como em muitas outras coisas, às tantas, tudo o pode ser preciso é mudar o referencial.

conversar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

foto do autor

arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D